domingo, 19 de maio de 2013

Leis do ViaDutra

Tenho me deparado no dia a dia com situações que me fazem refletir e que me levaram a formular novas leis comportamentais. Generosamente compartilho com os fiéis seguidores deste blog:


Lei do Besouro – "Tem tudo pra dar errado, mas acaba dando certo". - Inspirada no jornalista e amigo Nico Noronha, que era bem fortinho e carregava uma bunda enorme que devia pesar naquele corpanzil.  Mesmo assim tinha uma agilidade e jogava uma bola redonda, ao contrário do que seu tipo físico indicava .  A Lei do Besouro não vale apenas para atividades esportivas, eis que serve também para atividades profissionais (sabe aquele abobado da firma que acaba se revelando um geninho?) ou para a atividade amorosa (o casal tem pouca coisa em comum e entretanto se acerta na cama e fora dela como se nascessem um para o outro).

Lei de Vanderli "Tudo pode acontecer, até mesmo dar certo". – Inspirada em Vanderli Barbosa, ex-chefe de operações da RBS TV, que conheci na mesma função na TVE. Vanderli gostava de “inventar” nas transmissões externas e me obrigava sempre a questionar:

- Mas isso vai dar certo, Vanderli?
- Só quando estiver no ar para saber, chefia.
Também conhecida como Lei do Imprevisível.

Lei da culpa pública  – "Em algum lugar alguém está fazendo merda e você terá que responder por isso".  - Funciona assim: um agente externo ou interno comete uma bobagem, de maior ou menor dimensão, tendo ou não relação com a coisa pública , e o primeiro culpado pelos resultados do malfeito será o serviço público, ou porque não fiscalizou, ou porque não regulou ou porque interferiu onde não devia. Fácil de saber quando está presente: é só acompanhar a matéria na imprensa que tem por chamada “De quem é a culpa?”.