terça-feira, 9 de março de 2010

Copiei do previdi.com - II

Dia Internacional do Homem – pobre coitado

Ser homem é...
Sentir a dor física e moral de uma bolada no saco.
A tortura de ter que usar terno no verão.
O suplício de fazer a barba todo dia.
O desespero de uma cueca apertada.
Pilotar a churrasqueira nos fins de semana enquanto todos se divertem.
Desviar os olhos do decote de uma mulher, que se faz de distraída e deixa a blusa desabotoada até o umbigo.
A loucura de fingir indiferença diante de uma mulher sem sutiã.
Ter a obrigação de ser um atleta sexual.
Ter a suspeita de que ela, com todos aqueles suspiros e gemidos, só está tentando nos incentivar.
Ter que reparar na roupa nova dela.
Ter que reparar que ela mudou de perfume.
Ter que reparar que ela trocou a tintura do cabelo de Imedia 713 para 731.
Ter que reparar que ela cortou o cabelo, mesmo que seja somente as pontinhas.
Ter que jamais reparar que ela tem um pouco de celulite.
Ter que jamais dizer que ela engordou, mesmo que isto seja a pura verdade.
Trabalhar pra cacete em prol de uma família que reclama que você trabalha pra cacete.
Depois elas ainda acham que é fácil, só porque nós não menstruamos!